Jeep Slat-Grille 1942 – “Slattie”

Esta viatura possui um visual único, por conta das barras de aço soldadas uma a uma na parte dianteira do carro, que o nomeiam: Slat-grille, ou grade de ripas. Produzido de dezembro de 1941 até março de 1942, 25,808 unidades foram entregues ao Exército dos Estados Unidos.

Frente à expansão da Segunda Guerra Mundial – após o ataque japonês à Pearl Harbour, nos Estados Unidos, a Ford passa a produzir o Jeep Willys Slat-Grille, já que a empresa Willys não conseguiria suprir a demanda necessária, por ser uma empresa menor.

Para trazer mais eficiência à produção do carro, mais tarde Henry Ford substituiria a grade de barras soldadas uma a uma por uma peça única prensada, que ainda hoje é característica dos Jeeps, como podemos ver no Jeep MB.

A viatura exposta é raríssima, pois a mesma possui porta-luvas – apenas alguns exemplares foram fabricados ao final de fevereiro de 1942 continham este item. Estima-se que existam apenas três exemplares no Brasil. Além disso, a marca estampada da Willys em relevo no painel traseiro é rara, pois em junho de 1942 fora proibida pelo governo dos Estados Unidos, com a justificativa de ser propaganda da empresa.

Ficha Técnica:

Nome: G-503 Willys ¼-ton 4×4 Truck

Fabricante: Willys-Overland

Peso: 1.1127Kg.

Motor: Willys “Go-Devil” 4 cilindros

Combustível: Gasolina